Porque o MMA é do Brasil!

MMA

MMA

O MMA tem sua origem vinda do Vale-Tudo no Brasil em meados da década de 30, através da lendária família de Jiu-Jitsu Gracie, que desenvolveu o atual esporte e mais especificamente se fundamentou no Judô, elaboradas através de adaptações das técnicas e golpes. No início as lutas eram realizadas no formato de campeonatos na academia do patriarca do MMA, Carlos Gracie, com lutadores de diversas artes marciais. O intuito era promover uma competição para determinar qual estilo de luta era mais eficaz em situações de combate desarmado.

Em 1993, Rorion Gracie fundou o UFC (Ultimate Fighting Championship) que teve sua primeira edição com o mínimo de regras e um modelo de ringue no formato de octógono, o campeonato foi exportado para os EUA, onde o irmão de Rorion, Royce venceu diversos combates com lutadores bem mais pesados e fortes que ele e consagrou um novo esporte por muitas vezes criticado pela brutalidade, como também, glorificado por milhões de fãs pelo mundo.

Do Brasil para o Mundo!

UFC

UFC (Ultimate Fighting Championship)

Além do UFC, outros campeonatos pelo mundo promoveram o MMA, e assim em 1994, no Japão aconteceu o Free Style Japan Championship e em 1997 o Pride, considerado por muitos o melhor evento de artes marciais mistas do mundo. Por se tratar de uma organização independente o UFC passou por uma má fase no ano 2000, e foi comprado por donos de cassinos em Las Vegas Lorenzo e Frank Fertitta, e um ex-empresário de boxe Dana White, onde juntos formaram a empresa Zuffa, que posteriormente também comprou a Pride.
Em 2005 foi lançado um reality show sobre o mundo dos ringues, o “The Ultimate Fighter”, também chamado de TUF, qual foi muito importante para popularizar o esporte nos EUA.
Atualmente o MMA é uma das lutas que mais estão em ascensão no mundo. “Hoje, o MMA é o esporte que mais exige do atleta”, diz Junior “Cigano” dos Santos, lutador do UFC.

Lutadores

Hoje em dia, os lutadores precisam ter uma serie de requisitos para participar dos grandes eventos pelo mundo, normalmente buscam o conhecimento de três ou quatro artes marciais diferentes, tem um treinamento rígido e sempre precisam manter uma forma física excelente.
Os lutadores, principalmente brasileiros, trabalham ativamente na criação, desenvolvimento e evolução do MMA. Mesmo que a modalidade só agora esta ganhando forças aqui no Brasil, muitos dos lutadores acabam indo para os EUA buscar mais oportunidades e acabam sendo extremamente reconhecidos e consequentemente ajudam a difundir ainda mais a cultura pelo globo, embora ainda tenha grandes nomes por aqui. Conheça alguns dos maiores lutadores do Brasil e do mundo:

Anderson Silva

Anderson Silva – The Spider

• Anderson Silva, considerado o melhor e mais completo lutador de MMA de todos os tempos, o paulistano é unanimidade na liderança do ranking por sua invencibilidade de 14 vitórias seguidas e 10 defesas do título consecutivas do cinturão do peso-médio, é o maior e atual recorde do UFC.

• José Aldo é o atual campeão pela UFC pelo peso pena e considerado o número 1 na categoria. Em 2010 recebeu o premio da World MMA Awards de “Lutador do Ano de 2010” e consagrado entre os 3 melhores como lutador peso-por-peso do MMA mundial.

• Rodrigo Minotauro, lutador de judô, muay thai, jui-jitsu (esporte em que foi campeão pan-americano antes de receber a faixa preta), boxe e wrestling. Foi campeão interino do UFC, onde se tornou o primeiro pesado da historia a conquistar o cinturão do Ultimate e do Pride.

Cigano

Junior “Cigano” dos Santos

• Junior “Cigano” dos Santos é o atual campeão pela UFC do peso-pesado e consagrou-se absoluto na categoria. Treina sob a tutela de grandes nomes do MMA mundial, como os próprios Anderson Silva, Lyoto Machida, Minotauro e Minotouro. Atualmente depois de todos os combates pelo UFC, o lutador está com luta marcada para 2013, bem como seus mestres, por assim dizer, “Spider” e o Minotauro.