O Projeto Sempre Viva

O Projeto Sempre Viva

O Projeto Sempre Viva

O Projeto Sempre Viva, se empenha em preservar o maravilhoso patrimônio natural da Chapada Diamantina, BA. Tem como foco a educação ambiental, e o turismo ecológico consciente, sem agredir a natureza e divulgando as belezas naturais baianas.

Situada mais especificamente no município de Mucugê, sendo que Mucugê abriga 52% do Parque Nacional da Chapada Diamantina. A planta que dá nome ao projeto – sempre viva – que foi muito explorada após a decadência do sistema de exploração de diamantes, tornando-se fonte de renda de muitas famílias de ex-garimpeiros, no entanto a exploração da planta quase trouxe a mesma à extinção.

Um dos empenhos do Projeto Sempre Viva é regularizar a atividade de colheita das flores sem atingir o meio ambiente, apostando no replantio, e incentivando o artesanato para o aumento de renda da população.

Hoje, o Projeto se mantêem através da taxa de manutenção cobrada do visitante, o valor simbólico de três reais, por pessoa, a venda de camisas e lembranças do local,  se tornando assim um projeto auto-sustentável.

Prêmios que o projeto já recebeu

2000 – Inovação Ambiental pela Gazeta Mercantil
2002 – FERFA do Meio Ambiente pelo Centro de Recursos Ambientais da Bahia
2003 – Superecologia pela Revista Superinteressante
2005 – Prêmio Caixa Melhores Práticas em Gestão Local pela Caixa Ecnonômica Federal

Com a ajuda de toda a comunidade local, O Projeto Sempre Viva se tornou referência para outros projetos da Bahia, provando que apostar no Meio Ambiente é apostar na vida e na geração de renda.