Drenagem Linfática Corporal: Método Manual e Mecânico

O sistema linfático faz parte do sistema imunológico do corpo, desempenhando um papel importante na defesa contra infecções. Sua função é ajudar a transportar substâncias – células, proteínas, nutrientes, produtos residuais (toxinas) -, drenando o excesso de líquidos que saem do sangue, além da gordura das células. Dentro desse panorama, a drenagem linfática tem o papel de ativar a circulação venosa e linfática, reduzindo a retenção de líquidos e o inchaço.

Entre as diversas técnicas de drenagem, destacam-se a drenagem linfática manual e a mecânica. Ambas, quando realizadas de forma adequada, proporcionam ótimos resultados ao paciente. No caso, a drenagem linfática manual é realizada com manobras e movimentos suaves, pressão delicada, de forma lenta, rítmica e relaxante. Feita de forma correta, estimula o fluxo linfático e elimina o excesso de líquidos do organismo, além de evitar fibrose no pós-cirúrgico.

O movimento deve ser feito seguindo a direção do retorno linfático, o que exige do fisioterapeuta um bom conhecimento anatômico dessa circulação. A sessão de drenagem linfática manual tem duração aproximada de 50 minutos, sendo contraindicada nos casos de infecções, tumores malignos, trombose venosa profunda, erisipela, flebites, inflamação em fase aguda, estado febril, insuficiência renal e hipertensão arterial não controlada.

Drenagem Mecânica

Assim como a drenagem manual, a drenagem linfática mecânica obtém ótimos resultados. A principal diferença entre as técnicas é que a última utiliza aparelhos eletrônicos, que atuam por estimulação elétrica sequencial, favorecendo a abertura das micro-válvulas do sistema linfático. Os estímulos elétricos da drenagem linfática mecânica agem drenando o tecido e transportando a linfa para os linfonodos, fazendo com que o acúmulo de substâncias tóxicas seja eliminado.

Uma das principais utilizações dessa técnica é na prevenção e redução da celulite, além do tratamento de uma série de reações no nível do tecido conjuntivo subcutâneo. Caso tenha se interessado pela técnica, diversas clínicas de estética oferecem o tratamento. No caso da Esteticare, por exemplo, todos os profissionais que aplicam a drenagem linfática corporal são fisioterapeutas formadas e com experiência em atendimentos estéticos.