Conheça a Melatonina!

O que é Melatonina?

Tratar insonia com Melatonina

O que é Melatonina?

A melatonina é um hormônio produzido pelo corpo humano responsável por realizar o controle do sono. Este hormônio é produzido naturalmente pelo organismo durante a noite, pela glândula pineal (localizada no centro do cérebro). Ela é o principal hormônio para a regulação do sono nos seres humanos.

Quando envelhecemos, nosso corpo diminui naturalmente a produção de melatonina no corpo, este é dos possíveis motivos de pessoas mais velhas dormirem mal.

Para que serve a Melatonina?

A melatonina tem como objetivo regular o ciclo de sono do corpo humano, podendo ser encontrada na forma de suplemento alimentar. Ou seja, a melatonina tem como objetivo melhorar a qualidade do sono, fazendo que o indivíduo tenho um sono mais profundo e restaurados, combatendo assim a insônia.

Porque tomar Melatonina?

Quando envelhecemos, a produção de melatonina do nosso corpo diminui naturalmente ocasionando a perda da qualidade do sono e fazendo com que as pessoas tenham dificuldades em dormir melhor, a conhecida insônia.

Para quem é indicado tomar Melatonina?

Qualquer pessoa que sofra de insônia pode se beneficiar da melatonina (não é indicado para menores de 18 anos). Porém os mais indicados são especialmente aos idosos. Essas pessoas têm dificuldade de ter uma boa noite de sono porque a glândula pineal reduziu a produção de melatonina.

A melatonina não é indicada somente para pessoas que dorme bem, mas também para aqueles que nem sempre o sono é como deveria, o hormônio pode estimular o sono mais profundo e mais restaurador.

Onde comprar a Melatonina?

A melatonina não é encontrada em drogarias, pois é considerado um suplemento e não uma droga. Portanto, lojas de suplementos geralmente vendem este suplemento. Recomendamos a loja Braço de Ferro Suplementos.

Como tomar Melatonina?

Tomar 1mg a 2mg por dia, porém a dosagem poderá variar de acordo com indicação médica. Não exceda a dose recomendada.

Efeitos colaterais:

Alguns efeitos colaterais podem surgir com a utilização, como:

– Sonolência excessiva (caso tenha este sintoma, é aconselhável a redução da dose)

– Dor de cabeça

Obs: As informações exibidas tem caráter meramente informativo. Procure sempre orientação aos profissionais especializados, tais como nutricionistas e médicos.