Como se Fosse a Primeira Vez

Filme "Como Se Fosse a Primeira Vez"

Filme “Como Se Fosse a Primeira Vez”

Existe um filme muito romântico chamado: “Como se fosse a primeira vez”. No filme, um homem encontra o amor da sua vida e depois de viver um dia lindo, descobre que o seu amor possui um sério problema de memória que a faz esquecer-se de tudo o que aconteceu a cada dia depois de dormir. Então como lidar com a situação se a mulher da vida dele o esquece na hora que levanta da cama? A solução do personagem é puro amor: ele resolve fazer com que ela se apaixone por ele todos os dias.

Contamos essa história do filme para dizer que na vida real você não precisa perder a memória para lembrar que a paixão deve ser alimentada todos os dias.

É tão gostoso se apaixonar e mais gostoso ainda é descobrir algo novo todos os dias que reforce a paixão a cada gesto, a cada palavra e a cada surpresa.

Lembre-se no momento de encontro, aquela data importante que você se encantou pelo seu parceiro e teve a certeza que ele seria o par perfeito para viver uma vida feliz ao seu lado. Lembrando-se de momentos como esse é que você vai sentir aquela sensação gostosa e ver o que pode resgatar dessa época para deixar o clima na relação ainda mais apaixonado, como se fosse a primeira vez.

Não adianta olhar para o seu parceiro e não ver nada de interessante ou pior, olhar para si mesmo e não ter mais energias para mudar e encontrar formas criativas de se sentir bem e fazê-lo bem também.

Vocês gostavam de caminhar no parque e ver o pôr do sol? Gostavam de visitar museus ou ir a um cinema e apreciar belos filmes? No início da relação viajavam para lugares diferentes sempre que possível? Faziam jantares à luz de velas e se amavam com muito mais paixão? Então qual é o motivo dessas afirmações estarem todas no passado? Coloque esses momentos importantes do começo para funcionar agora mesmo, pois os relacionamentos não envelhecem, mas sim amadurecem em busca de novas maneiras de se apaixonar como se fosse a primeira vez.