Veja Aqui os Principais Cuidados com Aquecedores

Os aquecedores proporcionam conforto dentro de casa para todos nós, mas por mais que seja um aparelho inofensivo e de fácil manejo ele requer certa atenção. Veja aqui os principais pontos de cuidado e não deixe que seu aquecedor passe de um conforto para um problema.

Principais cuidados com os aquecedores elétricos

Cuidados com aquecedores elétricos

Cuidados com aquecedores elétricos

Se o inverno chegar e você sentir que precisa do aquecedor, mas perceber que ele está meio empoeirado segure a vontade de consertá-lo você mesmo! O Corpo de Bombeiros alerta que aquecedores elétricos que ficam muito tempo guardados tendem a ter fios soltos e com mau contato, por isso uma manutenção pode causar acidentes. Não só isso, mesmo se ele estiver em bom estado evite usar sem realizar uma revisão.

É importante também você deixar o aquecedor elétrico longe das crianças, pois pode haver a possibilidade de queimaduras através do contato direto com o aquecedor. Também afaste do aquecedor os materiais combustíveis, já que o aparelho pode cair ou encostar neles e, dessa forma, causar incêndios.

Uma dica muito importante e que muitas vezes é esquecida: Matenha a circulação de ar no ambiente em que você estiver usando o aquecedor! Pois esses aparelhos queimam oxigênio e sem a renovação de ar essa queima pode levar à morte por hipóxia.

Principais cuidados com os Aquecedores à Gás

É muito importante ficar atento as aquecedores à gás do tipo “de passagem”, já que eles de uns tempos para cá têm causados graves acidentes envolvendo intoxicação e em muitos casos levaram os usuários à óbito. Para se ter noção, no estado do Paraná ocorre uma média de oito casos por ano de morte por intoxicação pelo gás monóxido de carbono.

Para quem não sabe, o monóxido de carbano é um gás originado da queima incompleta do combustível por consequência da falta de manutenção dos queimadores dos aquecedores e, principalmente, também pela falta de ventilação adequada nos ambientes onde estão instalados. Um agravante na percepção do seu vazamento é o fato de que o gás não tem cheiro e nem gosto, por isso a pessoa não percebe qualquer anormalidade, quando a intoxicação avança a pessoa pode desmaiar e provavelmente morrer por intoxicação.

Instalação e uso correto do Aquecedor à Gás

Os aquecedores à gás devem, por segurança, serem instalados em lugar ventilado e obrigatoriamente possuir chaminé de exaustão, a mesma deve passar por manutenção periódica para regular os queimadores.

Há alguns fatores que ajudam na identificação do mau funcionamento do aparelho. O primeiro deles é a coloração da chama dos queimadores, se ela apresentar coloração azul indica que os queimadores estão bem regulados e há combustão completa, ou seja, sem vazamentos. Se a chama estiver amarela indica que os queimadores estão sem regulagem e a combustão não está sendo completa, ou seja, está havendo produção de gás monóxido de carbono.

Chama Azul

Combustão Completa: Sem Perigo

Chama Amarela

Combustão Incompleta: Perigo

Outra maneira bastante usada para o aquecimento do ambiente é a queima de carvão vegetal, ele é muito usado para aquecer ambientes confinados como guaritas, barracos, porões. Porém, deve-se ficar atento, por que a queima de carvão vegetal produz monóxido de carbono e pode também levar o usuário à óbito.

A queima de álcool é também um procedimento bastante utilizado no inverno para aquecer dormitórios e banheiros. Mas é preciso ficar atento, por que essa prática pode queimar o oxigênio e levar o usuário à asfixia.