Sobre o Curso de MS Access

Pensei em tratar as questões metodológicas e didáticas do curso que fiz, mas achei desnecessário, pois de uma maneira natural, ampla englobarei um conjunto de comentários e tópicos que observei. Partindo da concepção de que educação, cultura, ciência e tecnologia precisam estar integradas e serem integradoras das diversas ações de formação que tenham a pesquisa como elemento central de todo o processo. O Curso tem como objetivo passar ao aluno conhecimentos básicos em programação de computadores para aplicações na área. Acrescentando à capacitação do profissional para atuar em equipe acrescentando experiências, e talvez para os mais experientes em outras áreas mais direcionadas a computação especificamente.

Um dos fenômenos capitais da nossa época é sem duvida a prodigiosa aceleração do ritmo com que as sociedades têm evoluído. Essa aceleração que se manifesta em todos os domínios, não poupou a medicina, multiplicando os problemas, sobretudo a da atualização e acompanhamento tecnológico. Hoje mais do que nunca impõe à instituição a aquisição de meios de comunicação eletrônico que permitam o acesso rápido á grandes centros de documentação espalhados pelo mundo e não só. A preocupação com esses avanços tecnológicos criou a disposição bibliotecas virtuais, as revistas eletrônicas e demais recursos ligados a área. Este estudo propiciou uma das diferenças, interação para realização de trabalhos comum e contribuição para o desenvolvimento de um profissional interdisciplinar e multidisciplinar.

A disciplina de informática cujo objetivo principal é familiarizar os estudantes com a utilização avançada dos principais programas informáticos. A atividade pedagógica e de pesquisa propicia uma gama de atividades tendentes a melhor inserção na vida acadêmica e à criação entre estudantes e docentes.

Fiz a opção desse curso por considerar mais uma informação para a carreira que pretendo seguir, e quero me preparar o melhor possível e isso somente se realizara se eu tiver o Maximo de conhecimento que possa absorver. Farei algumas referencias que me chamaram mais atenção e alguns esboços de tópicos do curso. O Microsoft Access (nome completo Microsoft Office Access), também conhecido por MSAccess, é um sistema relacional de administração de banco de dados da Microsoft. Ele permite o desenvolvimento rápido de aplicações que envolvem tanto a modelagem e estrutura de dados como também a interface a ser utilizada pelos usuários. A grande maioria dos aplicativos comerciais são projetados para funcionamento em ambientes multiusuário. No caso do Access, o uso compartilhado quase sempre se baseia numa rede local (LAN).

Na Escola virtual aprende-se no próprio ritmo. Encontra-se exatamente o que se procura pratica-se com exemplos reais online achei que uma maneira inteligente de aprender o Microsoft Access um passo de cada vez! Experimentei o aprendizado e achei fácil aprendi a usar o poder do gerenciamento de dados do Access. Com o método Passo a Passo você pode fazer apenas as lições que precisar, ou pode estudar do começo ao fim. De qualquer maneira, você é quem controla o aprendizado criando e praticando os conhecimentos de que precisa

Aprendi maneiras de impedir a corromper  dados e os acessos não autorizados, e os diversos problemas relacionados aos registros de uma tabela.

Cada uma das aplicações do Microsoft Office tem um objetivo bem definido: O Word é um programa concebido para trabalhar com documentos que contêm texto e imagens; O Excel destina-se ao trabalho com folhas de cálculo, que contêm números e gráficos; com o PowerPoint podem-se criar e apresentar seleções de diapositivos, que combinam texto com multimídia; O Access, objeto deste relatório, foi concebido para realizar a gestão de bases de dados relacionais.

De uma forma genérica podemos dizer que uma base de dados é um conjunto de dados relacionados, acessíveis a uma comunidade de utilizadores. Desde tempos antigos o homem guardou em armários, gavetas (…) os dados importantes relativos às suas diversas atividades.

A partir de meados do século XX, verificou-se um grande crescimento das organizações o que provocou um grande aumento no volume dos dados nelas utilizados. Ao mesmo tempo verificou-se um grande desenvolvimento dos computadores, que se tornaram mais acessíveis. Surge assim, de forma natural, a introdução dos computadores nas organizações com o objetivo de servir de suporte às bases de dados nelas existentes. Numa primeira fase, surgem os chamados Sistemas de Ficheiros e só posteriormente são desenvolvidos os Sistemas de Bases de Dados. Com ambos se pretende obter acesso rápido aos dados, gerando a informação necessária às diversas atividades. Os dados são guardados em ficheiros e a partir deles são gerados relatórios com a informação pretendida. Atualmente, quando nos referimos a bases de dados, queremos referir-nos às bases de dados em suporte informático.