Sintomas de Alergia a Gatos

Os sintomas de alergia a gato afligem muitas pessoas. Isto pode ter pouca importância para uma pessoa comum, mas para aqueles que gostam de gatos ter alergia ao próprio animal de estimação é algo extremamente frustrante. Os sintomas de alergia podem se desenvolver muito depois de adquirir o companheiro peludo, portanto livrar-se de um novo amigo não é uma opção. Assim, para muitos amantes de gatos e para os donos que vivem com alergias, este é um problema real com o qual eles têm de conviver.

Alergias em geral ainda não são completamente compreendidas pela comunidade médica. Pesquisas são feitas, mas a verdade é que o conhecimento adquirido não é suficiente para eliminar os sintomas completamente. Um fato interessante é que alguns dos melhores especialistas em alergias sofrem de alergias. Isso por si só lhes permitiu fazer as observações necessárias para obter uma melhor compreensão dos sintomas alérgicos.

Sintomas de alergia a gato podem se manifestar de várias formas. Eles podem aparecer isoladamente ou em conjunto. Eles podem ir e vir sem razão aparente. Assim você pode ter confundido esses sintomas de alergia com os sintomas de um resfriado prolongado e/ou de uma dor de garganta que vem e vai ou uma coceira que responde ao tratamento tópico e às vezes não.

Alguns dos sintomas são espirros, olhos vermelhos e lacrimejantes com ardor, erupções cutâneas e sintomas gripais como dor de garganta. Isso te soa familiar? Se você é proprietário de um gato e você tem esses sintomas em de forma regular pode ser que você pode esteja com alergia a gato. No entanto, há algumas medidas para reduzir o seu sofrimento e ainda manter o seu querido amigo com você.

Até recentemente, a causa real dos sintomas da alergia era um mistério. Seriam os pêlos? Células mortas da pele? A caixa do gato? Acontece que é a saliva dos gatos que é a principal culpada das alergias. Os gatos adoram lamber o próprio pêlo, o que acaba por espalhar as substâncias alérgicas por todo o corpo do animal e por onde ele passar.

O melhor método de determinar se você está sofrendo de alergias a gato é remover o seu gato da casa por cerca de duas semanas e ver se os sintomas desaparecem ou são diminuídos. Lembre-se de limpar a casa para tirar qualquer objeto que tenha ficado em contato com o bichano. Este é um teste comum para a maioria dos doentes alérgicos: Remover o material suspeito e ver se a alergia termina.

Supondo que você tenha chegado a conclusão de que realmente sofre de alergias a gato. Então a próxima pergunta é o que fazer sobre isso. A solução mais fácil e completa seria procurar um novo lar para seu gato e separar-se dele. Lógico que isto seria um grande sacrifício visto que seu gato pode já estar com você há certo tempo. Uma boa dica é deixar alguma saída para uma sala ao lado ou na garagem para que o gato possa entrar e sair de casa quando quiser.

Outras soluções podem ser tidas, mas nenhuma delas é tão completamente eficaz como colocar o seu gato de fora. A aspiração e a limpeza de sua casa com mais frequência também ajuda. Receber tratamento médico para suas alergias pode ser eficaz se você responder positivamente ao tratamento. Limitando o acesso dos gatos a sua casa inteira, em particular o seu quarto, é uma obrigação se você quiser amenizar os efeitos da alergia.