Saiba Tudo Sobre a Pica e o Seu Tratamento

A Pica é uma doença que muitos desconhecem. Um distúrbio que afeta homens, mulheres e crianças. Alguns pensam que afeta também os animais. Porém, no caso dos animais, o verdadeiro termo a ser chamado é anemia hemolítica imunomediada.

Mulheres e crianças desenvolvem a doença com mais frequência do que os homens. E isso se dá normalmente em mulheres gestantes, autistas e em crianças pequenas.

Mas afinal, o que realmente a Pica faz nas pessoas?

A Pica atinge homens, mulheres e crianças.

A Pica atinge homens, mulheres e crianças.

Por outras palavras, a Pica é o estranho apetite por objetos e substâncias que não são nada, digamos, nutritivas. A areia, argila e a terra são alguns dos exemplos de Pica. Porém, para chegar a ser consideradas “vítimas” de Pica, a pessoa devem consumir estas substâncias  já algum tempo. Entretanto, alguns especialistas associam a Pica como distúrbio mental.

Embora a Pica seja uma doença onde é ligada ao consumo de estranhas substâncias, ela pode ser dividida por subtipos

Veja os exemplos

  • As pessoas que comem fezes sofrem de Coprofagia.
  • As pessoas que comem argila, solo ou giz, sofrem Geofagia.
  • As pessoas que comem gelo sofrem de Pagophagia.
  • As pessoas que comem vidro sofrem de Hyalophagia.
  • As pessoas que comem madeira e papel sofrem de Xilophagia.
  • As pessoas que comem pêlos e lã sofrem de tricofagia.
  • Entre muitos outros que existem.

Apetite por objetos ou substâncias estranhas

Ainda não há nenhum diagnóstico que possa confirmar a Pica. Porém, deve consultar um profissional para realizar testes a níveis sanguíneos para detectar se a pessoa anda ingerindo substâncias estranhas. Este é o primeiro passo.

“Pessoas que sofrem de TOC – Transtorno Obsessivo Compulsivo e esquizofrenia podem ter a Pica.”

Existe um tratamento eficaz para quem sofre de Pica?

A eficácia do tratamento da Pica pode variar de pessoa para pessoa. No caso de crianças, deficientes mentais, psicóticos ou gestantes, pode ser tratados em relação a suas dietas, entre outras formas. Infelizmente, não há ainda, um remédio para quem sofre de Pica. O seu tratamento inclui um grupo de médicos, psicanalistas e psicólogos. Por isso, os profissionais da área devem ser procurados para receitarem um tratamento adequado ao paciente.