Ruas do Centro São a Cara do Carnaval Carioca

Carnaval carioca

Carnaval carioca

Quando chega fevereiro, a cara da cidade do Rio de Janeiro muda inteiramente. São decorações de rua e um clima de festa, que só o carnaval carioca pode trazer aos amantes da folia. É muito interessante observar que a cidade se cobre de uma aura festiva e tudo se resolve no sorriso do carioca. No meio disso tudo, o espetáculo dos desfiles das escolas de samba na Sapucaí. E em comum nisso tudo é que a maioria dos eventos acontece no Centro, local que em dias comuns dão um clima sisudo, de negócios à cidade, mas que durante o carnaval, revela sua porção histórica e de farta cultura.

Bola Preta, há mais de 80 anos na vida dos cariocas

Quando o Cordão do Bola Preta foi criado, a cidade vivia ainda as inovações do grande revolucionário governador Pereira Passos. A cidade tinha grandes influências europeias e vivia o clímax cultural. Ainda existia o morro do castelo e o aterro ainda era mar. Inúmeros apelos históricos que dão ainda mais importância aos blocos de rua que sobreviveram as enormes mudanças da cidade.

Os desfiles das escolas também sempre foram característica do Centro. Antes da Marquês, eles aconteciam na Presidente Vargas. Durante a construção do metro, na década de 70, o evento com as escolas mais importantes do Rio parou na Rua Primeira de Março. Logo após, passou a acontecer na Avenida Marquês de Sapucaí, ainda em as arquibancadas definitivas. Sempre, independentemente do lugar, o centro sempre foi e será a referência artística da cidade.

Movimentos num todo, e não só o carnaval carioca, tem seu palco o Centro da cidade

Não só festividades, o centro tem um apelo cultural e político muito forte. Lá aconteceram várias manifestações que mudaram a história do país, como a marcha dos 100mil em 1968; ou ainda as diretas já em 1983-84. O carnaval e seus carros alegóricos repousam por ali. Os ingressos do carnaval são ainda mais valorizados por dar acesso a um evento em um lugar com eterno brilho de ser o Centro da Cidade do Rio de Janeiro.