Pilotos Têm Direito a Indenização

direito aeronáuticoQuando ocorre algum acidente aéreo, pensamos logo na família e torcemos para que o direito aeronáutico colabore para que todos consigam as suas indenizações justas, pois quando embarcamos em um avião, confiamos na empresa e esperamos chegar sãos e salvos ao chão novamente, mas nem sempre isso acontece.

O que se esquece de pensar é que os pilotos, comissários de bordo e toda equipe presente em um voo também falece e que o erro muitas vezes pode não ser devido a um erro humano, e mesmo que fosse, erramos até mesmo dirigindo, o problema é que quando é nossa profissão, existem outras pessoas que nos tornamos responsáveis por elas.

As famílias dessas pessoas sofrem com a perda de seus entes queridos também e elas podem pedir indenização por danos morais caso venha a ocorrer o falecimento de um piloto, comissário de bordo ou qualquer outro funcionário aéreo que estiver no voo.

O direito aeronáutico além de ser responsável pela ajuda na aquisição de equipamentos para uma empresa área, ele também cuida de toda a parte que envolve acidentes. Advogados especializados nessa área cuidam de toda a investigação e apuração do acidente para entender quais as melhores medidas para as empresas e os parentes dos presentes no voo tomarem.

A indenização de um piloto em cima do direito aeronáutico não leva em consideração direta com as leis trabalhistas, essa é outra indenização que a família do piloto tem direito de receber. A do direito aeronáutico é calculada em cima do salário do piloto, os anos trabalhos e a idade que tinha.

É importante que todos os profissionais sejam levados em consideração, principalmente pilotos que acabam falecendo em acidentes por diversos problemas técnicos possíveis, felizmente o direito aeronáutico os protege e as sua família também, para que possam pelo menos ter a segurança de que caso alguma tragédia ocorra, sua família seja indenizada pelos prejuízos.