O Advogado Trabalhista Faz Mais Parte da Nossa Vida do que Imaginamos

Muitas pessoas só pensam num advogado trabalhista quando são demitidas, porém o trabalho desse profissional é muito mais do que isso e pode, inclusive, facilitar a vida das pessoas. O advogado trabalhista, além de ingressar com ações requerendo direitos de trabalhadores, atua orientando empregadores e empregados em elaborações de contratos, em todo o decorrer do vínculo empregatício.

Quem não tem uma empresa, por exemplo, vai pensar que no seu dia a dia não precisa do auxilio do advogado trabalhista, porém se parar e pensar um instante verá que não é preciso ser dono de nada para se encontrar envolvido em uma relação de empregador.

Se a pessoa possui em sua casa uma empregada doméstica, uma babá ou até uma faxineira, ela é um empregador e por isso deve agir de acordo com as leis trabalhistas e para isso precisará contar com o auxilio de um advogado trabalhista. Muitos não se dão conta disso e somente percebem seu papel de empregador quando o empregado comete uma falta ou o acusa de ter cometido alguma.

Por esse motivo os especialistas indicam que, antes de se iniciar qualquer relação trabalhista, consulte um advogado trabalhista que dará todas as orientações necessárias para a elaboração de um contrato de trabalho que atenda a todos os direitos e deveres de ambas as partes.

“Correr atrás do prejuízo” nunca é a melhor opção, principalmente quando se envolve dinheiro. Não pagar os direitos do trabalhador no mês ou tempo devido não fará com que ele não tenha que ser pago e quando tiver que ser feito será acrescido de juros, multa e etc.

Com um bom contrato de trabalho o empregador não está somente agindo corretamente com o empregado e sim também garantindo sua tranquilidade durante e ao fim da relação trabalhista.

Em casos como esses é sempre melhor “prevenir do que remediar”, dizem os especialistas.