MAC ou PC? O que Escolher?

Os MAC não são propriamente estrangeiros na terra dos jogos. Em 1989, Prince of Persia deslumbrava quem tivesse a sorte de jogar num computador da Apple, com a sua música misteriosa e os seus gráficos topo de gama.

MAC ou PC?

MAC ou PC?

De lá para cá, o mundo começou a gravitar em redor do Windows, e este sistema operativo tornou-se a principal plataforma para jogos nos computadores domésticos. Não é que não existam jogos para MAC, mas a verdade é que estes existem em muito menor número do que par Windows.

Recentemente a empresa Valve, conhecidos pelos jogos como half-Life ou Left 4 Dead, anunciou que iria disponibilizar a sua plataforma Steam para Mac OS X, despertando a curiosidade da Internet sobre os computadores da Apple enquanto máquina para jogos.

Há, na minha opinião, vários pontos positivos neste negócio, que tenta “converter” os jogadores para a plataforma da Maçã. Ao comprar um jogo, este pode ser jogado em Windows ou em Mac, não sendo assim necessário comprar o jogo duas vezes.

Na realidade, após uns testes com o mesmo jogo, instalado nas duas diferentes plataformas, chega-se a uma conclusão, os anos de prática do Windows no domínio dos jogos, faz com que a disparidade no desempenho entre PC e MAC, seja significativa (na minha opinião). O que me parece, é que o facto dos drivers para MAC virem embutidos no Sistema Operativo, enquanto o Windows nos permite fazer actualizações das mesmas para retirarmos o máximo partido do nosso hardware. Isto porque, muitas das vezes, os fabricantes dos diversos componentes (neste caso, principalmente da placa gráfica) disponibilizam actualização dos seus controladores, que resolvem bugs e que ajudam a melhorar o desempenho.

Há outra questão que , na minha opinião, pode prevenir os MAC de se tornarem populares enquanto plataforma de jogos: os processadores gráficos que os equipam tendem a ser antiquados e fracos por comparação com o que está disponível no mundo do Windows. Só os muito mais dispendiosos MAC Pro são agraciados com placas gráficas em separado, com poder de processamento considerável.

Por isso, e claro na minha opinião, se pretende um computador para jogar, opte pelo PC, com plataforma Windows, retirará melhores resultados a preços mais reduzidos.

  • Arthur Kirke

    Olá Hugo…interessantíssimo seu artigo. Já pensei em ter um computador MAC mas são caros e não são tão populares pelo menos aqui onde moro. Mas a tendência é que cada dia os programas rodem em todas as plataformas permitindo um maior leque de escolhas para nós usuários =]