Jogos de Computador e Controle Parental

Jogos Online

Jogos Online

Uma assunto bastante polêmico nos últimos anos tem sido a violência juvenil associada aos jogos de computador. Por um lado, pais e educadores ainda não sabem como lidar com as novas tecnologias de informação, por outro crianças e adolescentes estão cada vez mais conectados na internet sem supervisão dos pais, não só nos computadores tradicionais mas em tablets, telefones celulares de nova geração e outros dispositivos móveis. Muitas vezes os pais e educadores não tem percepção do que seus filhos fazem na internet, por onde navegam e que tipos de jogos estão jogando.

Existem várias maneiras de controlar o que uma criança faz no computador, desde o controle parental disponibilizado por empresas como a Microsoft e Apple, filtros para conteúdo impróprio para menores que browsers e motores de busca colocam à disposição de tutores e outros métodos de controle de navegação. Mas nenhum destes filtros ou sistema de controle consegue filtrar jogos online de computadores, aumentando de maneira infundada a preocupação de pais e responsáveis.

Há muito tempo que se diz que jogos podem ser prejudicial, transformando crianças em jovens violentos, o que não é verdade. Uma criança que jogue por exemplo jogos do Mário não irá para o parque infantil dar marteladas em tartarugas! Por outro lado, os jogos de computadores tem um papel importante no desenvolvimento cognitivo, potencializando habilidades inatas. Há estudos que comprovam que crianças que jogam de maneira moderada possuem muito mais facilidade em aprender disciplinas como matemática ou música.

O que pais e responsáveis devem fazer é procurar conversar e acompanhar o que seus filhos fazem, existem milhares de sites de jogos online que podem ajudar no desenvolvimento cognitivo e iniciar crianças no fascinante mundo da informática, assim como proporcionar momentos de muita diversão. Um exemplo são sites com jogos do Chaves, bastante inocentes e divertidos. Acima de tudo é necessário utilizar o bom senso e participar nas atividades que crianças realizam no computador, nem sempre é possível controlar tudo que é feito, mas se houver uma formação sólida e confiança, não serão os jogos de computador que vão moldar de forma negariva o caráter de um jovem.