Imãs e Suas Utilidades – Entenda Como o Imã é Usado em Máquinas Industriais!

O imã é um objeto que provoca um campo magnético á sua volta, quando se encontra com outro objeto ferroso. Existem dois tipos de imãs, os naturais que são encontrados natureza e são compostos por minério de ferro (óxido de ferro). Este tipo de ferro magnético é denominado magnetita e os artificiais que são aqueles que adquirem propriedade magnética ao serem atritados com um imã natural. A capacidade magnética destes imãs podem superar a dos imãs naturais.

Imã Natural, chamado de Magnetita

Imã Natural, chamado de Magnetita, encontrado na natureza, possui um poder de atração menor comparado ao imã artificial.

É um minério que nele existe propriedades magnéticas, assim como a Magnetita que é um óxido de Ferro. E existem nos imãs artificiais, que são aqueles materiais ferromagnéticos que são submetidos a um grande campo eletromagnético que assim começam a adquirir propriedades magnéticas.

A descoberta do imã foi pelo pastor Magnes, ele encontrou uma pedra, que curiosamente, juntaram-se fortemente suas sandálias e a ponta de seu cajado, que eram feitos de ferro. Em 11 D.C. o chineses usaram a propriedade dessa pedra para construírem as primeiras versões da bússola.

O físico dinamarquês Oërsted realizou uma experiência onde se um fio conduto for ligado a um gerador, assim colocando uma bussola próxima ao fio, pode-se perceber que haverá uma passagem de corrente elétrica pelo condutor que a agulha da bussola irá sofrer uma deflexão.

Em 1873 o pesquisador Maxwell que relacionou o magnetismo com a eletricidade, assim dando origem aos estudos no campo de eletromagnetismo.

Atração de Imãs

Nos imãs existem dois pólos magnéticos, que são regiões que aumentam as ações do magnetismo, os pólos que existem dentro de cada imã são os pólos norte e sul. Quando os imãs são manuseados pode-se perceber que existem duas formas de fazerem se repelir, que se manuseando os dois com os mesmos nomes, e duas formas de fazerem se atrair, que são com nomes diferentes.

No caso da força magnética, se uma carga estiver em movimento dentro de uma região de campo magnético ela irá interagir com o campo já existente, assim ficando sujeito a uma força de origem magnética. Um exemplo disso é quando ficamos próximo do aparelho de televisão.

Separador eletro magnético suspenso

Separador eletro magnético da empresa oximag.com

Os imãs são utilizados para a produção de diversos produtos e máquina, uma delas é o Separador Suspenso Eletromagnético. Ele é utilizado para a extração de objetos ferrosos que estão misturados com outros produtos, muitas vezes utilizados em indústrias que trabalham com a fabricação e produção de produtos eletromagnéticos e não querem contaminar ou não deixar sua equipe com riscos de se machucar, assim utilizando o Separador Suspenso Eletromagnético para fazer o recolhimento e limpeza do local.

Separador Suspenso Eletromagnético, também conhecido como extrator de sucata, é desenvolvido com bobinas eletromagnéticas que são capazes de captar todos os vestígios de materiais e sucatas ferrosas existentes no local que possam atrapalhar a produção ou prejudicar a equipe.Existem dois tipos de extratores magnéticos, os manuais e os automáticos. Os manuais podem ser utilizados em locais que existem menos quantidade de materiais ferrosos e são limpos manualmente, e os automáticos são, normalmente, utilizados em locais com maior concentração de componentes ferrosos, levando o ferro separado para uma cinta transportadora.