IGP-M Cresce Menos na Prévia de Março de 2013

IGP-M Cresce Menos

IGP-M Cresce Menos

O imposto que regula a alta dos preços dos aluguéis em todo país teve a menor alta do ano, até o momento. O índice geral dos preços é quem regula os preços de diversos segmentos. Ele é responsável direto pela alta ou baixa dos preços de imóveis que são repassados a outras pessoas em forma de aluguel.

O índice que em fevereiro último havia subido 0,41% neste primeiro momento de março não passou de 0,15%, o que dá uma expectativa boa para o mês de março. A primeira prévia de março correspondeu dos dias 21 a 28 de fevereiro.

O preço dos aluguéis varia com o IGP-M que é influenciado por outros índices

Quem está pagando aluguel ou está procurando algum imóvel para proceder esta negociação, sabe bem a força que o índice Geral dos Preços tem sobre o bolso. Afinal, não é fácil estar preparado para variações do nível deste índice. Advogados tributaristas podem explicar bem ao consumidor que tiver dúvida sobre o tipo de variação.

Existem outros índices que dentro de um todo causam aumento o decréscimo do IGP-M. São eles Índices de Preços ao Produtor Amplo, o IPA, que mede a inflação do atacado e influencia em cerca de 60% do indicador do índice. O restante é proveniente do IPC, índice de preços ao consumidor, que é a inflação do varejo.

Reforma tributária para descomplicar

Um dos motivos ao qual o governo tem trabalho na desoneração de impostos e índices finais é, além de diminuir valores à sociedade, também trabalha para descomplicar o entendimento nas cobranças. Afinal, o direito tributário é complexo e não desperta o interesse das grandes massas. Isso sim pode ser um complicador.