Hostel Barcelona é Económico, Confortável e Seguro

Barcelona

Barcelona

Conhecer a cidade de Barcelona, na Espanha, e Lisboa, em Portugal, sempre foi um sonho, mas que consegui realizar recentemente. Primeiro, conheci Barcelona, a capital da Catalunha. Tradicional e moderna ao mesmo tempo, Barcelona reúne inúmeras e surpreendentes atrações a serem visitadas. Como gosto de praia, comecei o meu passeio por Barceloneta, a praia mais popular da cidade.

Para economizar mais dinheiro durante o tempo em que estive em Barcelona, optei por hospedar-me num hostel barcelona, pois o preço da estadia é mais barato do que um hotel tradicional. Além do mais, o hostel, um tipo de albergue, proporciona conforto e segurança aos seus hóspedes. Muitos turistas se hospedam em hostel Barcelona.

Meu passeio por Barcelona continuou com a visita à belíssima igreja da Sagrada Família, obra suntuosa do artista catalão Antoni Gaudí. Em seguida, dirigi-me à Casa Milà, ou La Pedrera, como é popularmente conhecida. O edifício, também desenhado por Gaudí, é em estilo modernista e foi construído no princípio do século XX. À noite, fui conhecer a vida nocturna e cultural do Porto de Barcelona, uma zona que foi revitalizada para os Jogos Olímpicos de 1992.

Hosteis Lisboa Económicos no Centro da Capital Portuguesa

Depois de Barcelona, segui para Lisboa. Na cidade, encontrei hosteis lisboa muito económicos e localizados na zona do centro, por isso, escolhi hospedar-me em um albergue próximo aos principais pontos turísticos de Lisboa. Não me arrependi, pois a localização do hostel Lisboa era ótima, e o preço da diária mais económico fez com que eu economizasse mais dinheiro para gastar em passeios e compras.

Em Lisboa, comecei o meu passeio pela Avenida da Liberdade, onde estão localizados bares, restaurantes e lojas de roupas de estilistas famosos. Percorri a avenida sem pressa, e fui apreciando o vai-e-vem de pessoas que circulam diariamente por ali. Segui em direcção ao Parque Eduardo VII, uma zona muito verde onde se pode passear e aproveitar a natureza, e foi aí que  parei para descansar. Depois, retornei pela Avenida da Liberdade e fui em direcção ao Bairro Alto. Para chegar lá, apanhei o Elevador da Glória, pois a subida é muito acentuada e precisava de fôlego para continuar a percorrer a cidade de Lisboa.

Ao chegar ao Bairro Alto, comecei o meu passeio pelo Miradouro de São Pedro, onde se pode apreciar uma das mais belas vistas de Lisboa, nomeadamente o Castelo de São Jorge e o Rio Tejo. A seguir, dirigi-me ao Largo do Carmo, onde está localizada a Igreja e o Convento do Carmo. O terramoto de 1755 destruiu a igreja, no entanto, ainda há muito para ver no local, principalmente, o Museu Arqueológico do Carmo, que reúne peças de diversas épocas.