Cuidados com segurança no içamento de cargas

É bastante frequente a necessidade de elevar cargas para a sua movimentação em diferentes locais, especialmente em construção civil e em linhas industriais de montagem. Quando se trata de cargas muito pesadas ou em formatos irregulares, a força humana, individual ou coletiva, pode não ser suficiente, o que leva à utilização de equipamentos, como um guindaste, uma grua ou uma ponte rolante.

Esses procedimentos são bastante complexos e precisam ser planejados passo a passo, por meio dos planos de rigging. Há diversos riscos associados, que podem atingir as pessoas envolvidas, os equipamentos, os arredores ou a própria carga. Por isso, cuidados com segurança não devem ser negligenciados.

Equipamentos seguros

Qualquer que seja o equipamento a ser utilizado na operação de içamento, como um guindaste ou uma ponte rolante, é essencial que ele esteja funcionando em perfeitas condições. Por isso, precisa estar conservado e passar por manutenções regulares. Uma dica importante é utilizar cordas-guias que orientem o içamento. A carga não deve ser tocada durante a operação.

Cuidados com segurança no içamento de cargas

Todos os acessórios envolvidos na operação precisam ser checados e escolhidos conforme as características da carga e da operação. A posição dos ganchos deve estar correta e as travas de segurança ativas. Além disso, os equipamentos e veículos utilizados precisam ter dispositivos sonoros quando a marcha ré estiver ativada.

Características da carga

Para que o içamento transcorra sem qualquer anormalidade, é preciso analisar cuidadosamente todas as características da carga, como peso, dimensões, material, formato e centro de gravidade. É essa análise que norteará todas as decisões a serem tomadas no planejamento do içamento. É importante não arrastar a carga, erguendo-a exclusivamente na vertical.

Profissionais capacitados

É essencial contar com profissionais qualificados e experientes no processo de içamento de cargas. Todos os envolvidos devem ter conhecimento e agir de acordo com todas as especificações do plano de rigging. Esses trabalhadores devem passar por treinamentos e possuir certificado para esse tipo de atividade. Apenas um operador deve dar orientações durante o içamento. Contudo, todos os envolvidos devem estar atentos às instruções e precisam utilizar os EPIs (Equipamentos de Proteção Individual), como óculos de segurança, capacetes, luvas, calçados adequados, cintas, protetores auriculares, entre outros que se façam necessários.

Estudo do local

Por fim, é preciso avaliar todas as características do local em que o içamento será realizado, de modo que seja estável para a realização do procedimento. O espaço deve ser isolado e sinalizado, para que a carga não seja deslocada sobre as pessoas, mitigando riscos. As redes elétricas da área devem ser desligadas durante a operação, sendo religadas apenas após a conclusão do içamento.

O vento, por exemplo, está entre os fenômenos naturais que mais atrapalham procedimentos do tipo. Por isso, é preciso analisar as condições climáticas antes de iniciar a operação. Ao detectar qualquer sinal de insegurança ou anormalidade, o içamento deve ser suspenso. Apenas depois que a segurança esteja reestabilizada e certificada por um profissional competente, a operação poderá ser retomada.

Seguindo as instruções acima, é certeza de que a operação de içamento de cargas será bem-sucedida.