Cuidados com Piscinas – Segurança e Limpeza

Todo mundo que tem piscina em casa sabe dos cuidados que é preciso para mantê-la sempre limpa e segura. Redes de proteção, aplicação de cloro, tratamento, filtragem, limpeza e outras ações são de grande importância para manter o ambiente sempre limpo e seguro. Algumas ações também ajudam a manter a piscina sempre em ótimas condições de uso, evitando preocupações e dores de cabeça.

Redes de proteção/ telas de proteção

Redes de protecao para piscinaProduzidas em polietileno de baixa densidade, as redes de proteção para piscina. Elas são produzidas com fios de polietileno reforçados e trançados de forma a suportar o peso de dois adultos pulando. Indispensáveis para quem tem crianças, as redes ou telas de proteção para piscinas são usadas tanto em piscinas particulares quanto em públicas, de condomínios, clubes, etc. Os fios são revestidos com aditivos que aumentam sua vida útil mesmo com a ação do cloro das piscinas e é essa uma das razões que a tornam tão resistentes.

Podendo ser instaladas tanto em piscinas de vinil quanto as que são empregados os azulejos, as redes de proteção para piscinas devem possuir ISSO 9002 ou superior. Quem instala deve usar ganchos de sustentação de material resistente a corrosão, geralmente produzidos em aço inoxidável. As redes evitam acidentes com crianças e animais e também podem mantê-la limpa, evitando a sujeira ocasionada por folhas e outros agentes que possam deixar a piscina suja.

Também é possível optar pelas telas de proteção, que são produzidas de polietileno ou vinil de baixa densidade. Elas cobrem toda a piscina e podem ser automáticas ou manuais, de acordo com o valor. É certo que as automáticas são um pouco mais caras, mas evita todo o trabalho de retirar a tela. Algumas delas suportam até 500 quilos e também protege de sujeira de folhas e insetos.

Filtragem e uso de cloro

A filtragem mantém a piscina livre de resíduos e sujeira e pode ser feita diariamente ou de acordo com as especificações do fabricante, dependendo de quantas vezes ela é usada por semana. Ela é feita utilizando um filtro, que pode ser instalado em no local de alimentação de água ou outro ponto, conforme o fabricante.

Controle do cloro e do PH

Mulher nadando na piscina

O cloro é importante para manter a água sempre limpa, contudo é importante manter o controle e também do PH da água. É recomendado a aplicação do cloro a noite, para evitar a evaporação, principalmente nas piscinas de vinil. É importante diluir o cloro em um balde com água e só depois aplicar na piscina. Na manhã seguinte o usuário deve medir a proporção de cloro livre com um medido fornecido pelo fabricante. Este nível deve estar entre 1 e 3 ppm, caso esteja acima ou abaixo destes níveis, não deve-se usar a piscina, pois o cloro ainda está atuando, no combate a micro organismos que transmitem doenças.

Aspiração e retrolavagem do filtro

Quando há pouca sujeira é possível usar apenas a filtragem, entretanto quando a sujeira está um pouco maior é indicada a aspiração da piscina. Trata-se de uma opção mais potente que drena a sujeira através de um cabo, que evita danos no fundo da piscina. A aspiração pode ser feita semanalmente ou quando os usuários notarem que ela está suja e precisa de uma limpeza mais profunda.

Já a retrolavagem do filtro dura geralmente 5 minutos e mantém a qualidade do equipamento, deixando os resíduos não filtrados fora da piscina. A água suja vinda da retrolavagem vai diretamente para rede de esgoto, evitando que ela volte para a piscina após o processo de retrolavagem. É indicado que a retrolavagem uma vez por semana e seu uso pode ser combinado com o do algicida, usado para eliminar algas.

Limpeza das bordas

Limpeza da borda da piscina

A limpeza das bordas garante que a piscina estará limpa em toda a sua área. Ela pode ser feita usando escovas macias próprias para a limpeza ou esponjas comuns (macias) mais o produto específico para a limpeza de piscinas, que não danificam o material e nem são nocivas a quem vai usá-la. Não deve ser usadas esponjas de aço ou esponjas ásperas que podem riscar a borda. Também não é indicado que o usuário varra a sujeira em volta da borda para dentro da piscina, que aumenta a sujeira e aí ficará mais difícil de limpar.