Cuidados com os Pequeninos

Quem tem criança em casa sabe do quanto elas estão expostas ao perigo dentro de casa, mas que podem ser minimizados com pequenas atitudes e o cuidado com alguns móveis e aparelhos eletrônicos, que diminuem os riscos de acidentes. Além das medidas existem alguns utensílios que podem ajudar na segurança dos pequenos. Um exemplo são as telas de proteção, que podem ser instaladas em diferentes locais de acesso aos pequenos, saiba mais.

Alimentação

Lanche-devidamente-conservado.Todo mundo sabe que é difícil conseguir tempo para cumprir com as necessidades do dia a dia, seja no trabalho, na faculdade e ainda cuidar da alimentação das crianças em casa. Talvez o maior problema de tudo isso, é que até elas começarem a se virar com comida, leva um tempo e dependendo como for, isso pode se prolongar ainda mais do que o normal.

Uma alternativa que pode te ajudar a conciliar tudo isso, para que os filhotes não fiquem sem a devida alimentação, é investir em uma dessas embaladoras a vácuo. Elas ajudam na conservação do alimento, priorizando a qualidade e sabor dos seus alimentos, e com isso, você pode preparar lanches e mais alguns pratos de uma maneira mais prática e antecipada, facilitando também para as crianças na hora que fome bater.

Já existem alguns modelos desenvolvidos para lares, e suas funções não se limitam na embalagem de produtos alimentícios. O preço vem se popularizando, o que torna esta, uma real alternativa a ser considerada para agilizar seu dia.

Onde brincar

Nunca deixe os menores brincarem em escadas e lajes. Indique a eles locais mais seguros e próprios para que brinquem. Passatempos de diversão, como piscina ou que estão a alguns metros do chão também devem receber telas de proteção, para evitar algumas situações mais desconfortáveis. Quando elas estiverem brincando, observe suas ações e principalmente as condições dos parquinhos. Os brinquedos devem estar em boas condições de uso e adequados a idade das crianças.

Equipamentos de proteção nos esportes

Quando os pequenos fizerem alguma atividade envolvendo esportes como skate, bicicleta, patins e outros devem utilizar o capacete, joelheiras e proteção nos cotovelos. Os capacetes, por exemplo, diminuem o risco de lesões na cabeça em até 85% e não custa nada usar. No caso de outros esportes, como futebol, o ideal é que a criança use as caneleiras, contudo os riscos são menores que os esportes acima descritos.

Outras medidas para aumentar a segurança

Camas, armários e demais móveis devem ser instalados longe de janelas e escadas. Eles devem ser bem estáveis e fixos, principalmente tanques, máquinas de lavar e outros. Crianças podem subir nesses móveis e tentar chegar as janelas, que também devem ter uma atenção especial. Dessa forma, evite colocar objetos nas janelas ou próximo a elas, pois as crianças podem querer pegar esses objetos e assim se acidentar.
Evitando-acidentes-com-crianças.Os cuidados também devem existir na cozinha, principalmente na hora que os pais estão fazendo comida. Nunca deixe os cabos da panela virados para fora do fogão, pois os pequenos podem tentar pegar e as panelas podem se virar em cima delas, ocasionando queimaduras.

É importante não deixar muito acessível sem o auxílio de um adulto, aparelhos eletrônicos pequenos, desde celulares e tabletes até controles de televisão, e a preocupação maior nesse caso fica até para você mesmo, porque é bem provável que as crianças acabem ativando sua curiosidade, prejudicando um pouco da qualidade do seu aparelho.

Por fim o cuidado deve ser dobrado com produtos de limpeza e remédios, que devem ficar longe do alcance das crianças e preferencialmente trancados com chave.

Vale ressaltar que crianças menores de 8 anos não devem dormir em beliches e se não houver outra forma, instale grades nas laterais. Os pisos escorregadios devem desprender mais atenção, e por essa razão é importante instalar tapetes antiderrapantes, que evitam as quedas.