Cuidados com os Bebês devem Começar na Gestação

bebêsEnganam-se aqueles que acreditam que os cuidados com os bebês devem começar na saída da maternidade. Muito pelo contrário. Manter hábitos saudáveis de alimentação e de vida, durante a gestação, garante saúde e melhor desenvolvimento dos bebês. Mas a atenção deve ser redobrada quando a criança já está no mundo.

Apesar de parecer contraditório, a casa nem sempre é o local mais seguro para uma criança. Objetos aparentemente inocentes, como torneiras, moedas e até mesmo alguns tipos de brinquedos, podem mascarar o perigo. Assim, elaborar algumas modificações residenciais ou, até mesmo, adaptar alguns itens, pode ser de grande valia para a chegada do bebê. Destacamos algumas dicas:

– comprar berço com selo do Inmetro (Instituto Nacional de Metrologia), pois garantem a qualidade do produto;
– não deixar brinquedos ao lado dos bebês na hora de dormir;
– guardar produtos de limpeza e remédios em locais fechados e longe do alcance das crianças;
– deixar a criança longe de fornos e locais quentes, evitando assim, as queimaduras;

– vedar as tomadas, evitando choques;
– não colocar toalhas compridas nas mesas;
– preferir móveis com pontas redondas;
– instalar telas de proteção nas janelas e sacadas;
– evitar a passagem pelas escadas.

Os pais também devem estar atentos aos brinquedos que adquirem. O primeiro passo é seguir o selo do Inmetro afixado no produto, pois indicam a idade e os perigos existentes. Adequar o brinquedo a criança é fundamental para proporcionar o desenvolvimento infantil de forma divertida e educativa. A partir do segundo filho, quando mais um bebê está a caminho, os pais já possuem uma experiência maior e aprendem com os erros que cometeram com o primeiro filho.

Chupetas e mamadeiras

Os bebês já nascem sabendo? Não. Por isso os cuidados com os bebês vão além, pois itens específicos, como chupeta e mamadeira, apesar de apresentarem benefícios, também devem ser verificados. Uma das vantagens é que a chupeta ajuda o bebê a se acalmar e a dormir; e a mamadeira proporciona mais liberdade para a mãe, proximidade da criança com outros membros da família e uma dieta regular. Contudo, a partir de certa idade, os objetos já não apresentam vantagens: a chupeta pode atrapalhar na formação bucal e dental da criança e também na mastigação, importante processo no desenvolvimento infantil; enquanto a mamadeira interrompe precocemente o aleitamento materno, fundamental para a saúde do bebê.