Conheça o Ferro Cromo

Ferro cromo

Ferro cromo

O Ferro Cromo é uma liga metálica de ferro e cromo, contendo entre 50% e 70% de cromo. Existem três tipo desta liga metálica que são: Ferro Cromo Alto Carbono (FeCr AC), Ferro Cromo Baixo Carbono (FeCr BC) e Ferro Silício Cromo (FeSi Cr). Cada um deste três tipo da liga metálicas Ferro Cromo possuem características especificas e aplicações diferentes. As variações incluem teor do carbono e outros elementos.

Ferro Cromo Alto Carbono

O Ferro Cromo Alto Carbono (FeCr AC), liga composta por uma liga de ferro, cromo, silício e outros elementos, é usada na fabricação de diversos tipos de aço e outras ligas. O Ferro Cromo Alto Carbono, também é chamado de Charge Cromo, tem como característica básica carbono acima de 4%. Esta liga metálica é utilizada na produção de aços que são resistentes a corrosão, aços que possuem alta condutividade elétrica, e aços alta ligas, usados na indústria automobilística.

Ferro Cromo Baixo Carbono

O segundo tipo da liga metálica, o Ferro Cromo Baixo Carbono (FeCr BC), tem utilização industrial parecida com o Alto Carbono. É muito usado nas indústrias de bens de consumo e na produção de aços inoxidáveis. Na produção de aço é usado para correções no teor de cromo,  mas sem modificar o teor de carbono. Em sua composição há liga de ferro, cromo, silício e carbono, sendo que o carbono tem o teor máximo de 0,15%.

Ferro Silício Cromo

Nosso último tipo de Ferro Cromo é o Ferro Silício Cromo (FeSi Cr), que possui os mesmo elementos de liga na sua composição, com exceção do carbono. E sua principal aplicação é para a produção de Ferro Cromo Baixo Carbono.

De certo formas os três tipo estão interligados. Vale lembrar que a cromita é a base na produção do Ferro Cromo, item essencial para a produção de essencial para a produção de aço inoxidável e ligas especiais. Além disso, o cromo não possui um outro elemento químico substituto na fabricação de aços inoxidáveis ou na produção de superligas, por isso podemos avaliar a sua importância.

Apesar de não conseguirmos ver esse componente químico no nosso dia-a-dia, ele se encontra muito presente em diversos equipamentos eletrônicos das nossas casas, em eletrodomésticos e faz uma grande diferença a utilização dele.