Como Lidar com Um Jogador de Casino Problemático

O vício começa quando uma pessoa começa inconscientemente a elevar o risco das suas apostas a um nível extremo, ao invés de ser um passatempo agradável e divertido. Nesta situação, o jogo torna-se demasiado perigoso, compelindo o viciado a apostar mesmo que isso signifique grandes perdas de dinheiro. Saiba lidar com um jogador de casino problemático e proteja-se desta patologia.

O que é o vício em apostas?

Os jogadores que são viciados em jogos de azar são quase sempre incapazes de se conter. Eles sentem uma sensação de euforia e de excitação pela experiência das apostas, continuam a jogar sempre mais, independentemente dos ganhos ou das perdas, e apostam altos valores. As apostas podem ser como um vício nos jogos dos casinos físicos e/ou virtuais, entre eles o poker é o jogo mais comum.

Sinais de vício em jogos de azar

Se você conhece alguém que apresenta este tipo de comportamento, a possível causa poderá ser o jogo. Seguem exemplos de alguns dos sinais mais evidentes:

  • Estar sempre na defensiva, caso alguém manifeste preocupação com seus hábitos de jogo.
  • Pedir dinheiro emprestado com frequência, vender seus pertences, roubar, tudo para poder manter o vício saciado.
  • Sentir-se ansioso ou deprimido se não puder jogar.
  • Aumento constante do tempo gasto nos jogos.
  • Mentir sobre a frequência com que joga, sobre os valores das apostas, ou o quanto já perdeu.
  • Endividar-se por apostar mais do que realmente pode.
  • Faltar ao trabalho, estudos ou outras atividades para poder jogar.

Estes são apenas alguns sintomas do vício em jogos de azar que o impedem de fazer boa figura numa mesa de jogos, porém são os mais indicativos de um problema grave.

As principais causas da dependência

O que leva uma pessoa a este tipo de vício pode ser difícil de diagnosticar. Podem existir pessoas com antecedentes familiares de dependência e estas são mais propensas a se tornarem viciadas. Algumas pesquisas sobre o assunto apontam certos componentes biológicos que tornam a pessoa mais suscetível a este tipo de comportamento. A falta de um neurotransmissor de serotonina no cérebro pode ser uma das causas que leva o indivíduo a tornar-se um viciado. Outras causas podem incluir:

  • Imaturidade emocional
  • Amigos envolvidos em jogatinas
  • Baixa autoestima
  • Trabalhar em estabelecimentos que tem os jogos como atração
  • Stress acumulado
  • Experiências traumáticas na infância

Você pode até pensar que os ganhos do viciado podem compensar as suas perdas no decorrer das apostas. No entanto, toda a situação é extremamente negativa para o indivíduo. Mesmo ganhando, a enorme descarga de adrenalina e excitação durante as partidas impedem o viciado de parar, ele é impelido a continuar até que sua excitação amenize. Provavelmente irá perder tudo o que ganhou a jogar.

As principais consequências do vício incluem

  • Fim de relacionamentos, divórcio, afastamento da família
  • Inicio na vida criminal como tráfico de drogas e roubo para financiar o vício
  • Dívidas absurdas
  • Perda de emprego
  • Tragédias e outras consequências

Tratamento e ajuda no combate ao vício

Há várias maneiras de se obter ajuda para se livrar do vício. O primeiro passo é reconhecer o sintoma e admitir o problema. Programas de ajuda como Jogadores Anónimos ou Devedores Anónimos podem ser eficazes. Outra alternativa é visitar um psicólogo que tenha experiência no assunto. Terapias comportamentais em grupo podem ensinar o viciado a identificar seus sintomas e substituir o jogo por atividades relaxantes e positivas.

Afastar o viciado do ambiente de jogos, como casinos, bares e outros estabelecimentos deste tipo é o primeiro passo. Além de evitar esses lugares, a recuperação envolve coisas como, encontrar novos amigos que não estão envolvidos nessas atividades, mudar comportamentos e hábitos. É necessário encontrar novas estratégias para lidar com o stress, para não correr o risco de uma recaída e atrasar completamente o processo de recuperação. Conversar com ex-jogadores pode ser uma ótima opção para manter as forças e coragem de enfrentar a nova vida.