Como escolher o modelo ideal para cílios postiços?

A utilização dos cílios postiços tem se tornado cada vez mais popular. Seja para aumentar o volume, o comprimento, ou melhorar o contorno dos olhos, os cílios postiços são itens eficientes. Essa versatilidade ajuda as pessoas, com diferentes tipos de olhos, a conseguirem um olhar mais poderoso ou sedutor, principalmente em festas, casamentos e outras ocasiões especiais. Entretanto, não se pode ter a ideia de que cílios postiços são “tudo a mesma coisa”.

Para quem opta pelos cílio postiço, escolher o modelo ideal pode ser uma tarefa complicada, pois há diversos estilos e materiais. A regra de ouro ao escolher o modelo é a naturalidade. O ideal é que os cílios postiços combinem com os naturais, de modo que não fique um aspecto artificial. A ideia é transmitir a sensação de que aqueles cílios realmente pertencem à pessoa. Como tamanhos e formatos de olhos variam bastante, o modelo que cai perfeitamente em uma pessoa pode não ficar bacana em outra. Confira algumas dicas:

Olhos redondos

Os olhos redondos, por si só, chamam atenção. Para quem deseja deixar o olhar mais discreto, a dica é deixar os cílios mais longos nos cantos externos dos olhos. No entanto, quem gosta do formato e deseja acentuá-lo precisa adquirir modelos de cílios com uma curvatura que acompanhe o formato natural dos olhos e que sejam fáceis de controlar o volume.

Olhos puxados com cantos elevados

Quem tem os cantos dos olhos elevados pode se considerar privilegiado, pois é um tipo de olhar mais sensual. Contudo, a utilização de cílios postiços requer muito cuidado nesse caso para não cair em exagero. Para quem tem esse tipo de olhos, é recomendável ressaltar o centro, já que as laterais possuem um destaque natural. Já quem quer deixar o equilíbrio de lado e focar de vez nas laterais pode apostar em cílios cantoneira, que deixam os fios mais longos nos cantos dos olhos.

Olhos caídos

Em cenário oposto ao descrito no parágrafo anterior, há pessoas que possuem olhos caídos, com as extremidades mais baixas. Esse olhar pode parecer um pouco triste, e os cílios postiços cumprem bem a missão de “levantar” o olhar e torná-lo mais atraente. Nesses casos, a dica é investir nos modelos côncavos, que possuem um início mais fino e alongam os fios nos cantos. Os tufos, que são comercializados separadamente, também são ótimas opções para ressaltar o olhar na parte externa dos olhos.

Olhos fundos

Quem tem olhos fundos, geralmente, possui a testa em evidência. Para amenizar esse aspecto, a dica é aplicar cílios postiços de modelos mais longos. No entanto, é preciso manter a naturalidade. Por isso, após colocar os cílios postiços, aplique a máscara tanto sobre os fios naturais quanto sobre os artificiais, deixando-os mais homogêneos e integrados.

Olhos orientais

Os olhos orientais são puxados e mais retilíneos. Como é um formato de olho menor, é preciso evitar os cílios muito longos, que podem parecer muito artificiais. Além disso, é necessário escolher um modelo com pouca curvatura, para que fique mais adequado a esse formato de olho. Cílios de tamanho pequeno ou médio já produzem um ótimo resultado e valorizam o olhar, especialmente com aplicação de uma máscara de qualidade. Há máscaras próprias para cílios, que os mantêm hidratados e deixam a textura mais sedosa.

Como em qualquer outro tipo de maquiagem, é essencial manter a aparência o mais natural possível. Dessa forma, saber escolher o tipo mais indicado de cílios postiços, com base no formato do seu olho e no volume de seus cílios, é a chave para que você fique com um olhar atraente para arrasar.