Como Conter O Avanço Da Criminalidade?

Embora muitos considerem esse assunto muito batido, volta e meia ele ainda é foco de discussões entre autoridades, políticos e criminalistas: como conter o avanço da criminalidade. Evidentemente não é preciso ser especialista para apontar algumas soluções, já defendida por muitos, para esse problema caótico.

Conter O Avanço Da Criminalidade

Conter O Avanço Da Criminalidade

Em primeiro lugar, o Brasil precisa criar leis penais mais severas que possam inibir, e não estimular, a prática de crimes. Isso não quer dizer que não teremos mais crimes, pois não existe “lei perfeita”; sem falar que a violência já pode estar dentro de algumas pessoas, por uma razão ou outra, e que é exteriorizada em momentos de raiva, indignação e injustiça social. A eficácia da lei pode ser vista quando o individuo é levado a refletir seriamente sobre as possíveis conseqüências do seu ato. Quer dizer: por estar a par dos riscos, ele sabe que será punido e seu destino será fatalmente a prisão. Aqui no Brasil, infelizmente, a realidade é outra, porque qualquer pessoa pode  se beneficiar igualmente da impunidade, especialmente as mais ricas e influentes da sociedade.

Em segundo lugar, as nossas autoridades precisam criar condições para que qualquer pessoa consiga satisfazer seus anseios básicos como assistência social, educação e oportunidades de emprego. E no caso da educação, por exemplo, esta tem que ser de qualidade – aquela educação que profissionaliza, esclarece, e abre o horizonte para novas descobertas e novos aprendizados.

Em terceiro lugar,  é indispensável o aumento do contingente policial nas ruas. Quando a policia, através de um patrulhamento mais ostensivo, se faz presente, o índice de violência e criminalidade cai sensivelmente, gerando assim uma sensação de segurança entre a população. As Unidades de Polícia Pacificadora ( UPPs ) implantadas em algumas comunidades  do Rio de Janeiro, são exemplos de modelo de segurança publica que está conseguindo reduzir drasticamente a violência, graças à aproximação entre a policia e a população, aliada ao fortalecimento de políticas sociais nas comunidades.

Em quarto lugar, o êxito de qualquer ação policial está condicionada ao seu serviço de inteligência. O seu papel é desenvolver atividades especializadas em coleta, analise e disseminação de informações que facilitem a tomada de decisões contra o crime organizado ou outros tipos de crime.

Portanto, se todas essas medidas um dia forem postas em prática, isso significará um avanço e tanto. E sinceramente  a gente espera que as nossas autorizadas acordem para a gravidade do assunto, para o bem dos nossos filhos e netos, antes que seja tarde demais!