Carnaval Carioca 2013: esclarecendo a confusão dos novos grupos

Carnaval Carioca 2013

Carnaval Carioca 2013

Após o carnaval 2012, os presidentes das agremiações dos grupos de acesso A e B se reuniram e criaram a Liga das Escolas de Samba do Rio de Janeiro (LIERJ). O objetivo da liga é melhorar a organização dos desfiles e buscar o fortalecimento da divisão de acesso.

O fotógrafo Déo Pessoa, o então presidente da Acadêmicos da Rocinha, foi escolhido pelos representantes das escolas de samba, como o presidente da liga, e deixou seu trabalho como presidente da tricolor de São Conrado para gerenciar com transparência e total imparcialidade. Dessa forma, em 2013 a Lesga, Liga das escolas de samba do grupo de acesso, torna-se extinta.

Como funcionava a divisão de grupos

O ano de 2012 foi o último a operar com o chamado Grupo de Acesso. A divisão das escolas era feita da seguinte forma: Grupo Especial, Grupo de acesso A, Grupo de acesso B, C e D. Depois de muitas mudanças estabelecidas pelas ligas que comandam o carnaval carioca, mais uma mudança foi instituída.

Como passa a ser o Carnaval 2013

Agora ficou acertado que os Grupos de acesso A e B passam a se chamar Grupo de Ouro. Esse grupo conta com 18 agremiações que vão desfilar na sexta-feira, e sábado de carnaval na Marquês de Sapucaí. Seguindo a tradição, o Grupo Especial desfila no domingo e segunda-feira, e as Escolas de Samba Mirins desfilarão na terça-feira. A medida pretende deixar o carnaval carioca mais organizado. A apuração, no entanto, segue inalterada até o momento. O Grupo Especial julga as notas dos jurados na tarde de quarta-feira de cinzas.