Brahma e as Mudanças do Camarote no Rio de Janeiro

Camarotes do Carnaval no Rio de Janeiro

Camarotes do Carnaval no Rio de Janeiro

Podemos dizer que o mais tradicional camarote no Rio de Janeiro, é o da cervejaria Brahma. Desde 1984, quando o sambódromo carioca foi construído, a empresa garantiu seu camarote, iniciando a trajetória no carnaval junto com a Marquês de Sapucaí. Já no início, o objetivo da cervejaria era acomodar uma lista seleta de convidados, seguindo esta linha até hoje.

A estrutura do Camarote no Rio de Janeiro

Ao longo dos anos a estrutura do camarote foi se modificando e ganhando maiores proporções. Foi no ano de 1991 que o espaço ganhou novo nome, Camarote Nº1, e maior visibilidade no carnaval carioca. Além disso, muito conforto e vista privilegiada, tudo isso para divulgar a marca internacionalmente.

Como estratégia, a lista de convidados foi sendo cuidadosamente elaborada. Lucy Liu, Madonna, Gerard Butler e Arnold Schwarzenegger, artistas conhecidos mundialmente, eram convidados para elevar a popularidade e despertar entre as pessoas, o desejo de também ser convidado para o camarote. Artistas nacionais também são figuras carimbadas no Nº1. Ivone Kassu, Alicinha Cavalcanti e Carol Sampaio são as promoters responsáveis por elaborar a famosa lista.

A mudança do camarote em 2012

Em 2011, especulações levantaram uma dúvida. O camarote da Brahma ia acabar com a demolição da antiga fábrica da cervejaria? A resposta veio em 2012, quando a empresa não só reformulou toda a estrutura do camarote se adaptando as mudanças feitas com a obra, como comemorou 22 anos de camarote Brahma na Sapucaí. O tema foi SapucAÍ, e a grande estrela pop Jeniffer Lopes foi a celebridade convidada para divulgar a folia.