Aluguel de Depósitos em São Paulo – Saiba Sobre Self Storage

Aluguel Guarda Objetos

Aluguel de Depósitos - Self storage

Em um tempo que as edificações são cada vez mais constantes, que tudo se torna dia após dia mais portátil, o transporte é mais rápido e tudo passa por um planejamento, é estranho pensar que falta espaço. Pois é exatamente o que acontece, em grandes capitais como São Paulo, muitas empresas não possuem espaço físico suficiente para armazenar a mercadoria delas e para que não haja perdas – no caso de produtos perecíveis, que necessitem de refrigeração, por exemplo – foram criados os depósitos de aluguel.Uma forma de atender o excedente de quem produz até que o estoque seja esvaziado e possibilite o retorno da mercadoria até o depósito próprio das empresas.

Para atender a grande demanda por espaço, um serviço que vem crescendo cada vez mais é o aluguel de depósitos em São Paulo, um self storage, que facilita muito a vida das pessoas no geral.

Grosso modo seria como o aluguel de guarda objetos. Imagine uma indústria que confecciona roupas. Um grande comprador dessa indústria tem algum problema qualquer e precisa cancelar os pedidos do mês. A mercadoria poderia atrapalhar o “estocamento” de novas roupas recém-produzidas no depósito próprio e para evitar este tipo de problema, procura-se um depósito de aluguel. É necessário, para o locador, escolher um local que não atrapalhe consideravelmente sua logística de transporte. Além é claro de optar por um depósito que tenha condições satisfatórias de segurança de armazenamento (como prateleiras, temperatura, claridade, etc.), limpeza e outros fatores que correspondam com as necessidades do produto em questão.Existem por exemplo, câmaras frigoríficas que servem como depósitos de aluguel. No estabelecimento já são oferecidas salas de desossa, câmaras de resfriamento, congelamento, fábrica de embutidos e tudo mais que um frigorífico preciso para funcionar.

Armazenamento

Aluguel de Depósitos - Self storage

A ideia é boa tanto para empresas locais que por algum motivo não podem se utilizar da própria estrutura ou ainda por segmentos do mesmo mercado, porém de outras regiões. Imagine que empresas do Rio Grande do Sul queiram ampliar a venda de carne bovina para o Rio de Janeiro. Desde que haja uma estrutura como esta citada no outro estado, uma quantidade grande de carne poderá ser armazenada, os custos serão barateados e o boi se tornará competitivo. Dessa forma, se ganha na vendagem e quantidade, além da qualidade reconhecida do produto.