A Solidão Na Era Digital

Com o advento da internet,  nunca se falou tanto em comunicação digital,  afinal,   graças à disseminação extraordinária desse novo meio de comunicação,  recebemos uma chuva de informações que nos chegam via Web, e em tempo real.

Solidão na era digital

Solidão na era digital

Bem, o sucesso da comunicação digital já era de se esperar,  uma vez que cada um de nós tem  o desejo natural de querer interagir com o nosso semelhante, e a Internet possibilita essa interação com pessoas do mundo todo. Que o digam os milhões de jovens e adultos que diariamente gastam boa parte do seu tempo recebendo e enviando e-mails, lendo e enviando mensagens de texto, ou visitando sites de relacionamento em busca de  namoro ou amizade . Tanto é verdade que pouquíssimas pessoas hoje em dia se imaginam vivendo sem a Internet, o telefone celular, ou outros meios de comunicação de massa.

Por isso, a julgar pela evolução do processo comunicativo, a tendência natural é  haver uma maior interação entre as pessoas, em diferentes níveis de intimidade social; sem contar que o ritmo frenético das grandes cidades sempre cobra formas mais rápidas e eficientes de comunicação – e essa exigência tende a crescer a cada dia na sociedade moderna.

Infelizmente, na prática, não é bem isso o que acontece, por mais paradoxal que isso possa parecer. E não precisamos ir muito longe para constatarmos  essa triste realidade. À proporção que o número de telefones celulares e computadores cresce em cada lar, as famílias vão aos poucos  perdendo a habilidade de se comunicar. Pais e filhos, de posse de tanta tecnologia, vivem praticamente isolados uns dos outros; e raramente se sentam à mesa durante as refeições – hábito salutar esse que sempre fortaleceu e estreitou o vínculo de amizade e intimidade entre os membros da família.  E a este fato triste segue-se outro igualmente grave: há inúmeros relatos de jovens ( e até de adultos ) que se trancam em seus quartos e ficam navegando  por horas a fio no mundo virtual do espaço cibernético, onde facilmente mascaram suas fraquezas ou frustrações afetivas, se valendo sempre do anonimato para passar uma falsa imagem de si mesmos.

Ademais, sabemos  que muitos não conseguem se adaptar ao ritmo frenético e agitado das grandes cidades, e assim  não encontram  tempo para fazer amigos, ou para prosear na praça,  batendo papo com os vizinhos.

Portanto, analisado os prós e contras da comunicação digital e de outras formas modernas de comunicação, podemos concluir que o uso consciente e responsável de tais tecnologias contribui, e muito, para a nossa interação com qualquer pessoa, e em qualquer lugar do mundo, além de contribuir também para o enriquecimento cultural de cada usuário, ampliando os seus conhecimentos e vivências. Entretanto, não podemos esquecer jamais que, a despeito dos benefícios tecnológicos,  nada nesta vida pode substituir à altura a velha e boa comunicação face a face, ou o doce sentimento expresso através do olhar de quem tanto amamos.  E é isso que nos torna mais autênticos e humanos!

  • stela

    Li e concordo plenamente. Infelizmente essa é uma realidade cotidiana e que está atingindo seriamente nossa capacidade de estreitar laços mais fortes.