A Importância do Tamanho do Músculo no Treinamento

A importância do tamanho do músculo

A importância do tamanho do músculo no treino

Distinguir o tamanho dos nossos músculos para planejar corretamente, é fundamental para o bom resultado. Ter conhecimento necessário para alcançar o equilíbrio certo em uma sessão.

Músculos grandes são os de maior amplitude e, portanto, com mais fibras. Isto significa, em primeiro lugar, é necessário incentivar uma maior intensidade, já que a ativação requer uma carga elevada.

Podemos utilizar nesse caso o Aparelho multi função

Além disso, os grandes músculos podem resistir a uma carga muito maior, isso irá exigir a percentagem mais elevada da sessão de treino. Um grande músculo deve ser exercido com cerca de 20 séries por treino. Por exemplo, usamos cinco exercícios diferentes com quatro series cada.

Entre os grandes músculos devem se citar o quadríceps, os isquiotibiais (ambos trabalham em exercícios da parte inferior do corpo), grande dorsal (costas principal), peitoral maior (o último é considerado “médio” em algumas classificações).

Por outro lado, os pequenos músculos podem resistir a uma menor intensidade e volume, assim que é muito importante aqui, saber seus limites. Muitos deles trabalham como ajuda sinergistas a músculos maiores, de modo que não só fazem o exercício de se isolar em exercícios específicos. É por isso que é recomendado na maioria dos casos começarem com exercícios que reúnem os maiores músculos, já que os menores também vão funcionar. Por exemplo: no trabalho dorsal, eles serão estimulados,(por exemplo, com barra), e os bíceps, que são músculos pequenos serão sinergistas.

Além dos bíceps, devemos mencionar que os músculos tríceps também pequenos como, trapézio, sóleo, gêmeos, os músculos do antebraço, trapézio, deltóide (este último pode chegar a meio). Uma rotina de média contém entre 8 e 12 séries.

No caso de usar Electroestimuladores, não se recomenda utilizar intensidades acima de 4 ou no maximo 5 para músculos menores e até 7 para os maiores

Com esses critérios será mais acertado um planejamento ordenado e teremos a certeza de dar ao corpo a quantidade certa de trabalho.